Conhecimento

NossosConteúdos

Como integrar tarefas com o Microsoft To-Do na rotina / 29.08.2019

Por: Pedro Cunha O To-Do é um aplicativo da Microsoft focado em ajudar pessoas a organizar e gerenciar demandas. Isso permite uma maior produtividade no dia a dia. Criado pela equipe por trás do Wunderlist, o app tem integração com o Office 365 e um algoritmo inteligente, que fornece a possibilidade da gestão simplificada de suas tarefas, contribuindo com sua organização e performance. A Microsoft disponibiliza o To-Do nas plataformas Windows, Android e iOS. Microsoft To-Do ajuda nas atividades diárias No To-Do é possível criar múltiplas listas, configurar lembretes para cada tarefa e adicionar notas de texto. A sincronização é automática entre dispositivos e as tarefas também podem ser acessadas em todo.microsoft.com. O recurso “My Day” pode ajudar a planejar seu dia. No início das suas atividades diárias, basta acessar ícone de lâmpada e o To-Do mostrará as tarefas que foram completadas e as que ficaram para trás no dia anterior e, portanto, precisam ser entregues em seguida. Integrações A possibilidade de integração torna fácil para o usuário controlar suas tarefas, originárias de uma gama de diferentes aplicativos, em um só lugar. Abaixo seguem alguns exemplos de programas que integram com o To-Do. Outlook: Uma das possíveis integrações de serem realizadas no To-Do é com o Outlook Tasks. Fazer esta integração é bem simples, basta acessar os dois aplicativos com a mesma conta Microsoft. As tarefas de ambos os aplicativos são armazenadas nos servidores do Exchange Online, permitindo a visualização simultânea nos dois serviços. Planner: Para usuários do Office 365 Enterprise ou Office 365 do plano educacional, é possível integrar suas tarefas do Planner. A integração do To-Do com o Planner cobre o espaço entre tarefas de equipes e as tarefas individuais. O Planner é um local colaborativo, em que uma equipe pode ver as tarefas de qualquer um de seus componentes, enquanto o To-Do foca nas tarefas pessoais. Para fazer esta integração é necessário seguir os passos abaixo: No To-Do, em qualquer plataforma, acesse a ícone de configurações;Acesse “Conexões” e ative a opção “Tasks from Planner”. Após a configuração, tarefas criadas no Planner serão automaticamente adicionadas ao To-Do, sendo por padrão adicionadas à lista “Assigned To Me”. Dynamics: Por meio do uso do Microsoft Flow, também é possível conectar o Microsoft Dynamics 365 ao To-Do, fazendo com que qualquer atividade criada no Dynamics 365 gere uma tarefa no Microsoft To-Do. Inclusive, existem templates de fluxos disponibilizados na web para realizar tal integração. Assim fica mais fácil controlar a rotina, não é mesmo? Confira agora mais dicas para aumentar seu desempenho no trabalho em nosso hub de conhecimento.


Veja mais   
Meça a sua produtividade no trabalho com o MyAnalytics / 30.07.2019

Por: Victor Oliveira Sanmartin Muitas vezes, estamos acostumados com a vida corrida e não paramos para medir a nossa produtividade no trabalho e em como podemos, com frequência, melhorar o foco para atingirmos um desempenho melhor. É com essa ideia, de que os profissionais possam melhorar a eficiência e valorizar o tempo trabalhando, que a Microsoft criou o MyAnalytics. A ferramenta tem como objetivo ajudar a aumentar sua produtividade e a de sua equipe, exibindo sugestões úteis, dicas e práticas recomendadas sobre como gerenciar e-mails e realizar reuniões. Também auxilia a informar e orientar você na tomada de decisões eficazes por e-mail e reuniões, além de recuperar horas de foco e criar melhores hábitos de colaboração. Página inicial do painel MyAnalytics MyAnalytics: A ferramenta para sua produtividade no trabalho Integrado diretamente ao Outlook, o MyAnalytics analisa os seus e-mails e rastreia os destinatários que abriram a mensagem e os anexos enviados. Depois, o add-in diz quanto tempo essas pessoas levaram para ler o conteúdo. De acordo com o tamanho do e-mail, o complemento estima se as pessoas viram rapidamente ou se de fato leram tudo. A partir dessas informações, o usuário tem acesso a um painel de estatísticas com a performance de cada e-mail enviado e obtém sugestões para conseguir um número maior de respostas. Além de tudo isso, a ferramenta ajuda o usuário das seguintes formas: Reserve um período para focar em questões essenciais, antes de ter a semana preenchida com reuniões;Não perca nada das suas tarefas e e-mails;Faça follow-up (acompanhamento) com as pessoas importantes. Se você agendar tempo de foco, por exemplo, os seus colegas no Teams serão informados do seu status, explica a Microsoft. O MyAnalytics também terá duas novas sugestões impulsionadas por Inteligência Artificial (AI) no fluxo do Outlook que ajudam você a remarcar tempo de foco caso acabe sendo tomado por compromissos, ou separe um momento para tarefas específicas. O MyAnalytics é gratuito para quem é assinante dos pacotes Office 365 Enterprise ou Office 365 Education. O recurso é direcionado a administradores de rede que desejam oferecer estatísticas inteligentes para funcionários e alunos de uma empresa ou instituição de ensino. É preciso assinar tanto o plano da Microsoft quanto o serviço do MyAnalytics para que tudo funcione perfeitamente. Como baixar o MyAnalytics pelo Microsoft Outlook A partir desse ponto, o add-in é livre para baixar na loja de complementos do Outlook. O atalho fica na barra superior do programa, em "Obter Suplementos" pesquise por Insights. O recurso funciona no Outlook 2016 e no Outlook 2013 para Windows ou macOS, além do Exchange na web e do Outlook.com no navegador.


Veja mais   
Microsoft Flow: Saiba do que ele é capaz! / 16.07.2019

Por: Thales Eduardo Muller Sabe aquele processo chato, manual e repetitivo que você odeia fazer? Então, foi pensando neste problema que a Microsoft criou o Flow, um sistema baseado em gatilhos para criação de fluxos automáticos. A plataforma de automatização de Fluxos da Microsoft vem se destacando no mercado e ajudando usuários dos mais variados conhecimentos técnicos, a automatizarem seus processos internos e obter maior produtividade em um mundo cada vez mais digital. O que o Flow faz? Seu objetivo é automatizar processos repetitivos, proporcionando uma maneira fácil e prática de enviar e-mails, editar documentos, buscar dados de mídias sociais e muito, mas muito mais. Pode ser utilizado tanto em pequenos processos, como em grandes fluxos corporativos, mesmo em empresas com grandes bancos de dados, que já possui uma interface simplificada que se conecta via API (Application Programming Interface), isso faz dele uma excelente escolha desde o desenvolvedor até um funcionário sem intimidade com programação. Mas o que posso fazer com ele? Dentre os diversos conectores disponíveis, vamos elencar alguns que se destacam. Para ver a lista com todos os conectores, visite https://us.flow.microsoft.com/pt-br/connectors/ Um exemplo bem interessante é que o agendamento semanal de um Fluxo envia a sua equipe de vendas todas as novas oportunidades cadastradas no Dynamics ou Salesforce. Ou quem sabe você gostaria que determinados e-mails recebidos no seu Outlook fossem arquivados automaticamente em uma pasta no OneDrive? Com alguns poucos cliques é possível que isto aconteça. Mas e aí, como funciona um fluxo? Os fluxos do Flow, implementam cadeias de afirmações condicionais que são disparados quando alguma ação específica é executada. Estas ações são chamadas de gatilhos e são divididas em três tipos: • Instantâneos – é executado quando um botão é acionado; • Agendados – estes fluxos são programados para acontecer em determinados espaços de tempo; • Automatizados – quando um evento acontece este fluxo vai rodar, exemplos: Quando um item de uma lista do SharePoint for criado.Quando receber um e-mail de um gestor;Quando um documento for salvo no OneDrive;Quando um novo Tweet é postado;Quando uma nova Issue for criada no GitHub. A partir desse momento você pode implementar uma lógica baseada em Ações que podem realizar as mais diversas atividades. A ideia em muito se assemelha a programar, porém não requer conhecimento de linguagens de programação, apenas os conceitos básicos de lógica condicional. Estas ações podem se integrar com as mais diversas aplicações, como Office 365, FTP, GitHub, Gmail, Google Drive, RSS, Instagram e etc. Mas não se limite a isto, pois você ou sua empresa podem também desenvolver suas próprias integrações e agregar valor aos seus Flows também.


Veja mais   
Você sabe o que é PowerApps? Conheça! / 12.07.2019

Por: Victor Oliveira Sanmartin Plataforma PowerApps: Com a crescente necessidade de empresas automatizarem e digitalizarem seus processos, tornando seus times cada vez mais produtivos e móveis (utilizando seus smartphones para comunicação), vivenciamos um período em que o conceito de BYOD (Bring your own device) possibilita o acesso à informação. No entanto, desenvolver aplicações personalizadas para seu negócio normalmente exigem um alto investimento. Mas, para contornar este desafio, a Microsoft desenvolveu a plataforma PowerApps, que oferece uma alternativa viável e eficiente, além de garantir a produção de um aplicativo personalizado sem a necessidade de programação, por meio de uma plataforma de fácil compreensão e uso. PowerApps: Crie e conecte aplicativos A Microsoft oferece serviços, aplicativos e conectores interligados a diferentes bancos de dados que possibilitam a concepção e desenvolvimento de aplicativos com praticidade e sem a necessidade de conhecimento profundo em técnicas de programação. Com o PowerApps, é possível criar aplicativos a partir de planilhas de Excel, listas no SharePoint, arquivos no OneDrive e ainda, automatizar os fluxos de trabalhos, utilizando o Microsoft Flow. Estes aplicativos então passam a interagir entre si e a gerar valor, automatizando tarefas burocráticas e muitas vezes demoradas. A ferramenta também conta com o Common Data Service for Apps, onde é possível obter um serviço de dados sofisticado com personalização avançada, lógica de negócios e recursos de segurança. Os dados são armazenados em um modelo padronizado por meio do Common Data Service, de modo que eles estejam prontos e sejam fáceis de reaproveitar. Inicialmente, o PowerApps veio para substituir o InfoPath, que é uma ferramenta de criação de formulários e agrupamentos de dados, para dinamizar processos corporativos, porém, o software foi descontinuado no ano de 2013, não havendo atualizações e novas features. Com o PowerApps, é possível migrar ou substituir formulários criados no InfoPath, trazendo uma versão mais elegante e sofisticada, fazendo integrações com aplicações do SharePoint e Flow, transformando-o em um aplicativo funcional e de fácil acesso aos usuários. Entre todas estas facilidades, citadas acima, também podemos destacar a acessibilidade, pois está disponível para todas as plataformas, sendo compatível com a Web, Android, iOS e Windows Phone. Para que os usuários o utilizem não é necessário recorrer a uma loja virtual, o que gera custos para a empresa. Basta enviar um Convite de Acesso as pessoas desejadas que as mesmas poderão utilizá-lo em qualquer lugar que estiverem.


Veja mais   
O que há de novo no SharePoint Server 2019 Public Preview / 25.10.2018

A Microsoft anunciou em junho deste ano a versão Preview do SharePoint Server 2019, apresentando novas funcionalidades e recursos, além daqueles que serão removidos ou considerados obsoletos. O plano é de que a versão oficial seja lançada ainda este ano, durante os meses de Outubro e Novembro, quando será Outono no hemisfério norte. Dentre as novidades, separamos algumas que são interessantes de serem mencionadas: Experiência Moderna: Sites modernos serão suportados com a mesma experiência do SharePoint Online. A nova Home do SharePoint irá seguir o mesmo modelo das Homes na versão Online, centralizando conteúdo de diversos sites em um lugar apenas. Além disso, os recursos de sites de Equipe e de Comunicação modernos também serão suportados e possibilitarão entregar uma experiência nova e fluída para os usuários, organizando conteúdo de uma forma mais amigável. Com todas estas novidades, obvio que a experiência de colaboração na edição de Páginas, listas e Web Parts também será copiada e disponibilizada da mesma maneira que o Office 365 faz. Além disso, a experiência para compartilhar documentos será mais intuitiva e fácil. Por fim, será possível visualizar PDFs no servidor sem depender de aplicações do usuário para abri-los. Administração: Para os administradores, agora haverá uma documentação mais completa e acessível dentro da Administração central. Autenticação de SMTP será suportada e você não dependerá mais de servidores que autorizam disparos de mensagens por meio de relays sem autenticação. Uma novidade bastante interessante é o aumento do limite de caracteres no caminho de um arquivo para 400 digitos e o suporte a caracteres # e % no nome de pastas e arquivos O Workflow Manager 2019 será lançado com recursos mais avançados para substituir o Workflow Manager 1.0. Caso você não possua Nintex e não consiga atingir o seu objetivo apenas com Flow, talvez essa seja a versão que você precisa. Outros recursos: O OneDrive será cada vez mais presente na edição e gerenciamento de documentos do SharePoint, possuindo suporte completo para bibliotecas do SharePoint com funcionalidades como Files On-Demand, notificações push e proteções de gerenciamento de informação. A Lixeira receberá algumas melhorias como por exemplo, os usuários poderão restaurar arquivos que eles mesmo deletaram e até mesmo itens que outros usuários deletaram no site em que o mesmo possua permissão de Edição pelo menos. O modelo de e-mail enviado para compartilhar determinado documento ou página também será melhorado e será mais agradável aos olhos dos usuários. Recursos obsoletos ou removidos Site Mailbox (Caixas de E-mail de sites) serão consideradas obsoletas e a orientação é que sejam substituídas caixas de e-mail compartilhadas do Exchange. O InfoPath será considerado obsoleto e deve-se orientar clientes a optaram por outras alternativas para a funcionalidade. Entretanto, ele ainda será suportado e terá suporte até 2026. Além disso, o SharePoint Designer permanecerá na versão 2013 e uma nova versão não será lançada. Entretanto, ele ainda funcionará na nova versão e terá suporte até 2026 também. A Ajuda do SharePoint não será mais instalada diretamente na Farm com um conteúdo estático, mas sim irá ser atualizada automaticamente consultando dados da nuvem e estando sincronizada com o material de suporte do Office 365. Sandbox Solutions serão removidas, após já terem sido eleitas obsoletas desde a versão 2013. A ideia é que as mesmas sejam substituídas por SharePoint add-ins. A aplicação de um sistema SharePoint em sua empresa demanda um serviço contínuo de suporte. Entenda como escolher a melhor parceria para manter um ambiente seguro e funcional!


Veja mais   
Conectt apresenta propostas para Office 365 e Banco de Ideias no IT Forum X / 22.10.2018

Entre os dias 17 e 18 de outubro, a Conectt participou do IT Fórum X, um dos maiores eventos de Tecnologia da Informação no Brasil, que reuniu profissionais de tecnologia de empresas das mais diversas áreas de atuação no Transamérica Expo Center, em São Paulo, para discutir como o mercado brasileiro vai responder aos impactos da transformação digital nos próximos anos. De modo a propor alternativas para que os CEOs, CIOS, CFOs, CMOs, Diretores, Gerentes etc., que participavam do evento, encontrassem a melhor forma de suas empresas ingressarem de vez em um processo em direção a maturidade digital, a Conectt disponibilizou um stand aberto no evento. Office 365 – por um ambiente de trabalho transformador – o Digital Workplace Uma das prioridades da participação da Conectt foi oferecer a expertise de sua equipe em relação ao Office 365 para fomentar uma utilização mais aprimorada de suas ferramentas em ambientes empresariais. “Muitas empresas compram o pacote Office 365 e usam muito pouco os seus recursos, cerca de 20% deles apenas, ignorando soluções para trabalho em equipe como Microsoft Teams, Delve, Flow, até mesmo o SharePoint”, explica o diretor da Conectt. Para Boger, o domínio das ferramentas do Office 365 é capaz de criar um ambiente de alta performance para o colaborador onde ele aproveita transformação digital que ocorre também nas suas atividades corriqueiras, tornando-o mais eficiente. “O Office 365 dispõe de um conjunto de ferramentas digitais que transforma o dia a dia dos colaboradores, dando a eles mais produtividade, mais performance e a capacidade de fazer mais em menos tempo”, ressalta. Banco de ideias – uma estratégia gamificada de inovação Outra proposta de transformação digital aplicada ao ambiente de trabalho apresentada pela Conectt no IT Forum X foi o Banco de Ideias. De acordo com Boger, trata-se de um software com formato de rede social gamificada desenvolvido pela Conectt para incentivar o compartilhamento de boas ideias. No jogo, que é baseado em um cenário similar ao de fundo de investimentos, as ideias mais inovadoras e efetivas ganham investimentos dos colegas através de uma moeda virtual, além de  “likes”  e comentários. Por fim, as mais investidas e populares vão a um comitê. Se ela for posta em prática, seu criador, assim como quem investiu nela, são reconhecidos com compensações e premiações internas. Ou seja, o Banco de Ideias consiste em uma maneira de incorporar as melhores práticas e tecnologia nas ações cotidianas, agilizando processos transformadores que comprimem o tempo de execução das tarefas diárias. Uma forma de manter-se competitivo em tempos de mudanças frequentes no mercado. “Hoje, uma empresa deve estar constantemente atualizada em relação a tecnologia para fazer frente a mudanças tão rápidas que acontecem no mercado”, conclui André Boger. Os processos descritos - gamificação e digital workplace - são de ótima usabilidade, mas, para isso, sua empresa precisa ter o suporte adequado de modo a garantir que a aplicação das soluções e sua respectiva manutenção ao longo do tempo. Para entender melhor este processo, baixe agora nosso ebook!


Veja mais