Introdução à usabilidade: princípios básicos


08/04/2013

Já falamos em alguns posts sobre usabilidade, mas ás vezes nos deparamos com algumas dúvidas do tipo: o que é a usabilidade? Por que devo me importar com isso em meus projetos? Como incorporá-la? Para tirar as dúvidas mais comuns, criamos esse post com algumas das principais questões do tema. Ainda existem diversos pontos que não abordamos neste assunto. 

O que é usabilidade? Usabilidade é uma forma de mensuração e melhoria das interfaces visando facilitar sua utilização pelo usuário final. A usabilidade geralmente é definida por 5 principais componentes de qualidade:

•    Aprendizado: Quão simples é para o usuário realizar tarefas simples na plataforma a primeira vez que se depara com o design e arquitetura de informação?

•    Eficiência: Uma vez que os usuários já se acostumaram com o design e arquitetura, quão rápida é a realização de tarefas?

•    Memorabilidade: Quando os usuários retornam á plataforma após ficar um tempo sem usá-la, qual o tempo para reestabelecer a proficiência de uso?

•    Erros: Quantos erros o usuário comete,qual a severidade deles, e qual a facilidade de recuperação do sistema?

•    Satisfação: O design é agradável? Quanto? Um atributo tão importante quanto as qualidades acima é a utilidade da aplicação: Afinal, ela FAZ o que o usuário PRECISA? De nada adianta um aplicativo maravilhoso, com a usabilidade turbinada se não atende nenhuma dor específica dos usuários.

Seu destino é cair no limbo de aplicações empresariais, onde permanecem as plataformas raramente ou nunca utilizadas, mas que continuam no sistema devido ao grande investimento realizado. Usabilidade e utilidade são igualmente importantes para determinar o sucesso ou o fracasso de uma aplicação, e, quando combinadas, são capazes de criar uma plataforma corporativa de baixo investimento quando este é comparado com sua utilização.

Porque Usabilidade é importante? Na web, usabilidade é uma condição essencial para sobrevivência. Se algum website é difícil de navegar, a tendência é o abandono. Se a home falha ao descrever as ofertas e possibilidades de produtos e serviços da organização, pior que abandono, dificuldade de gerar leads e reter clientes. Se os usuários se perderem no website, mais uma vez eles o abandonam, e se eles não acharem as informações que procuram, bye bye website. Sair da página é a primeira reação do usuário, afinal, existem tantos outros sites atualmente, que qual é o propósito de perder tempo procurando informações em um? Em um e-commerce, a preocupação com a usabilidade é ainda maior, já que é mais visível que se o usuário não encontrar um determinado produto significa perder dinheiro. Para Intranets, usabilidade significa produtividade dos colaboradores, e tempo perdido na plataforma é dinheiro perdido, pois eles poderiam estar atuando em alguma demanda.

As melhores práticas de desenvolvimento de aplicações contam com cerca de 10% do tempo de um projeto de design em usabilidade, e isso dobra a qualidade de um website ou aplicação. Para projetos internos pense  que um projeto de usabilidade reduz os custos com treinamentos pela metade, e dobra a produtividade.Para projetos externos pense em dobrar a quantidade de leads ou metas.

Como melhorar a usabilidade? Existem diversos métodos para o estudo da usabilidade, mas o mais simples é o teste com o usuário, que conta com 3 componentes:

•    Encontre usuários com o mesmo perfil de seu publico alvo, ou seja, se estiver desenvolvendo uma intranet, teste com seus colaboradores e pegue uma amostra de cada perfil – menos de seu departamento, claro; caso seja um e-commerce de roupas femininas classe a/b,procure mulheres pertencentes a esse grupo.

•    Peça para os usuários teste realizarem algumas tarefas em sua plataforma com o design já implantado(escolha as funcionalidades chave para teste).

•    Observe como os usuários se comportam na plataforma. Quais os passos para realização das tarefas? Quais são as dificuldades encontradas no caminho? O tempo médio para a realização das tarefas bate com o esperado? Caso não, porque? O que demorou mais e porque? E não os ajude para a execução das demandas, isso só vai comprometer o resultado.

•    Para identificar os principais problemas de usabilidade, um teste com em média 5 usuários costume ser o suficiente. É mais produtivo fazer alguns testes usando como base os resultados do teste anterior e as modificações realizadas para confirmar as impressões colhidas. Design interativo é uma boa maneira de aumentar a experiência do usuário. Quanto maior o número de versões de interface e layout você testar, melhor. Lembre-se que um focus group não ajuda muito na interpretação da usabilidade. No lugar de ouvir o que as pessoas fariam, veja-as fazendo.

Quando trabalhar com usabilidade? A usabilidade normalmente começa na parte de arquitetura de informação e prossegue até o estágio final da etapa de design. Copilamos algumas dicas para incluir a usabilidade nestas etapas:

1.    Antes de começar a reestruturar a arquitetura de informação e design, pesquise quais as partes que já são assimiladas pelos usuários e não devem ser modificadas. Faça um teste de usabilidade para entender quais pontos em que a mudança é imperativa e quais devem permanecer do mesmo jeito.

2.    A não ser que você esteja trabalhando com uma intranet, veja e compare o design e arquitetura de informação de seus concorrentes com a sua. Veja quais são os pontos positivos para obter mais insights.

3.    Crie protótipos em papel de uma ou mais ideias de design e teste-os. Quanto menor o tempo investido nas concepções INICIAIS de design, melhor, porque é bem provável que você precise modifica-las depois.

4.    A partir do teste de usabilidade, refine suas ideias de design e arquitetura de informação, movendo-se gradualmente de protótipos de baixa fidelidade para representações computadorizadas e navegáveis.

5.    Leia as guidelines de usabilidade internacionais para insights.

6.    Quando você finalizar os conceitos de arquitetura de informação e design, teste-os de novo. Muitas vezes alguns problemas de usabilidade só surgem com a implantação.

7.    Teste, teste de novo e mais uma vez. Teste até cansar. Onde testar

Você não precisa de laboratórios de usabilidade, eles geralmente tem um custo de manutenção alto, e desnecessário, já que uma sala de reunião equipada com um computador com algum programa como Camtasia para gravar a tela e um gravador de voz são mais do que suficientes.

André Boger

boger@conectt.com.br

Conheça nossos cases de sucesso


Valor Econômico – Gestão De Conteúdo

Valor Econômico é um jornal de economia, finanças e negócios brasileiro, criado a partir de uma parceria entre os grupos Folha e Globo, respectivamente responsáveis por também publicar os jornais Folha de S.Paulo e O Globo. O periódico teve a sua primeira edição publicada em 2 de maio de 2000. Após mais de 15 anos de parceria, a participação do Grupo Folha no jornal foi vendida para o Grupo Globo, que anunciou a aquisição em 13 de setembro de 2016. A mudança societária fez com que o Grupo Globo se tornasse a única empresa que mantém a publicação.
leia mais

Portal Unimed Porto Alegre

A Unimed é o maior sistema cooperativo de saúde do mundo, com mais de 345 cooperativas no Brasil, com médicos, hospitais credenciados e hospitais próprios. Além disso, possuem pronto atendimentos, laboratórios e ambulâncias para garantir qualidade na assistência médica, hospitalar e de diagnóstico complementar oferecidos.
leia mais

GDK

GDK SA foi fundada em Salvador, Bahia, em 1989, sob o nome geral Engenharia Ltda. Em abril de 2001, incorporou a Damulakis, tradicional empresa no setor, adotando as Damulakis Corporativo Gerais, e adicionou à sua coleção de mais de 45 anos de experiência e realizações no setor de Petróleo e Gás e mais tarde optou por uma nova marca corporativa que vai ser GDK SA.
leia mais

ADP

Uma das maiores fornecedoras de soluções de tecnologia para Gestão de Capital Humano do mundo, a ADP oferece uma ampla gama de ferramentas para Recursos Humanos, Folha de Pagamento, Gestão de Talentos e Administração de Impostos e Benefícios e ajuda seus clientes a ficarem em dia com as mudanças regulatórias e legais. As soluções para empregadores são amigáveis e se adaptam às necessidades de companhias de todos os tipos e tamanhos. ADP traz profunda experiência em ajudar seus clientes a construir uma força de trabalho melhor. Pioneira em Gestão de Capital Humano (HCM) e nos Processos de Terceirização, ADP atende a mais de 740.000 clientes em mais de 140 países.
leia mais

BASF Digilab 2.0

BASF SE é uma empresa química alemã global e líder mundial na área química, fundada no dia 6 de abril de 1865 em Mannheim pelo ourives e empresário Friedrich Engelhorn para produzir corantes sintéticos para tecidos. Hoje o Grupo BASF possui aproximadamente 122 mil empregados contribuindo para o sucesso de seus clientes em quase todos os setores e em quase todos os países do mundo, gerando vendas de cerca de 63 bilhões de Euros em 2018.
leia mais

Yamana Gold – Change Budget

A Yamana Gold Inc. é uma produtora de ouro com sede no Canadá que iniciou suas operações em 2003 com produção significativa de ouro, propriedades em estágio de desenvolvimento de ouro, propriedades de exploração e posições de terra no Canadá, Brasil, Chile e Argentina.
leia mais

Yamana Gold – CAPEX

A Yamana Gold Inc. é uma produtora de ouro com sede no Canadá que iniciou suas operações em 2003 com produção significativa de ouro, propriedades em estágio de desenvolvimento de ouro, propriedades de exploração e posições de terra no Canadá, Brasil, Chile e Argentina.
leia mais

Yamana Gold – Business Intelligence

A Yamana Gold Inc. é uma produtora de ouro com sede no Canadá que iniciou suas operações em 2003 com produção significativa de ouro, propriedades em estágio de desenvolvimento de ouro, propriedades de exploração e posições de terra no Canadá, Brasil, Chile e Argentina.
leia mais

29° Bienal De Artes

A Bienal de São Paulo exposição de artes que ocorre a cada dois anos na cidade de São Paulo, desde 1951. É considerada um dos três principais eventos do circuito artístico internacional, junto à Bienal de Veneza e Documenta de Kassel. Maior exposição do hemisfério sul, a Bienal é pautada por questões inovadoras do cenário contemporâneo e reúne mais de 500 mil pessoas por edição. Desde sua criação, 32 Bienais foram produzidas com a participação de mais de 170 países, 16 mil artistas e 10 milhões de visitantes.
leia mais

30° Bienal De Artes

A Bienal de São Paulo exposição de artes que ocorre a cada dois anos na cidade de São Paulo, desde 1951. É considerada um dos três principais eventos do circuito artístico internacional, junto à Bienal de Veneza e Documenta de Kassel. Maior exposição do hemisfério sul, a Bienal é pautada por questões inovadoras do cenário contemporâneo e reúne mais de 500 mil pessoas por edição. Desde sua criação, 32 Bienais foram produzidas com a participação de mais de 170 países, 16 mil artistas e 10 milhões de visitantes.
leia mais

Vitrine De Corretoras

A BMF Bovespa é uma empresa que tem o lucro vinculado com transações, e não venda direta de ações, porém tem uma imagem muito positiva junto aos investidores. Para incentivar a compra de ações de corretoras, e aumentar o número de transações, a organização decidiu criar um local em seu site onde os futuros investidores pudessem se conectar com as corretoras, gerando mais transações no mercado de ações.
leia mais

Intranet Villares Metals

Há mais de 70 anos, a Villares Metals atua no ramo de aços e ligas especiais. Seus resultados são frutos da qualidade, especificidade e diferenciais de seus produtos, além de serviços prestados. Em sua carteira de clientes estão indústrias que exigem alta tecnologia e segmentos de alto desempenho tais como: automobilístico, ferramental, energia, bens de capital entre outros. A empresa é considerada a maior produtora de aços especiais não planos de alta liga da América Latina.
leia mais

Yamana – Painel De Indicadores

A Yamana Gold Inc. é uma produtora de ouro com sede no Canadá que iniciou suas operações em 2003 com produção significativa de ouro, propriedades em estágio de desenvolvimento de ouro, propriedades de exploração e posições de terra no Canadá, Brasil, Chile e Argentina.
leia mais

Hotsite ONS

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) é o órgão responsável pela coordenação e controle da operação das instalações de geração e transmissão de energia elétrica no Sistema Interligado Nacional (SIN) e pelo planejamento da operação dos sistemas isolados do país, sob a fiscalização e regulação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).
leia mais

thyssenkrupp Elevadores

Saiba como a thyssenkrupp Elevadores otimizou a sua principal área de negócios através da transformação digital, com a criação de um sistema de gestão e aprovação de documentos para seus mais de 24.000 fornecedores.
leia mais

Botiweb

Da indústria ao ponto de venda. No segmento de beleza, a empresa pesquisa, fabrica, realiza a logística, marketing e varejo. O Boticário, Eudora, quem disse, berenice? e The Beauty Box estão em mais de 4 mil pontos de venda próprios, em 1.750 cidades, com e-commerce e venda direta.
leia mais

Santander – Portal de Renegociações

Em atividade no mercado local desde 1982, o Santander Brasil é o terceiro maior banco privado do País por ativos. A instituição está presente em todas as regiões do Brasil por meio de uma ampla estrutura, composta de agências, PABs (Postos de Atendimento Bancário) e máquinas de autoatendimento, além de escritórios regionais, centros de tecnologia e unidades culturais. Sediada em São Paulo, a operação brasileira é parte integrante do Grupo Santander, de origem espanhola, que é o principal conglomerado financeiro da zona do euro e que tem grande presença na América Latina.
leia mais

quem já nos contratou?

Receba conteúdo exclusivo sobre Tecnologia. Se inscreva em nossa News