Conhecimento

NossosConteúdos

Filtro

Receba conteúdo exclusivo sobre Tecnologia. Se inscreva em nossa News

Fale conosco

Quer saber mais sobre nossos serviços? Vamos conversar? Tire suas dúvidas.

Quero Agendar Conversa

4 riscos que um website feito sem planejamento traz para sua empresa / 11.01.2018

Nos últimos posts, falamos sobre os desafios envolvidos na criação do projeto para um novo website ou intranet para sua empresa.   Acreditamos na importância de conscientizar as empresas sobre os riscos envolvidos na criação de um novo website caso o projeto seja realizado sem o planejamento e a expertise necessários.   Ora, trata-se de um investimento considerável de tempo e dinheiro que, sem o suporte necessário, pode ser catastrófico para o futuro de sua organização.   Por isso, listamos a seguir uma série de riscos relacionados a um projeto descuidado para website.  1. O design não corresponde ao que você queria  Ao contratar o serviço de um profissional especializado em design, você não está delegando a ele toda a criação da identidade visual de seu website, mas sim firmando uma parceria. Trata-se de sua marca, faça-se presente em todos os estágios do procedimento de criação de uma identidade visual.  Respeitando, é claro, o conhecimento do profissional responsável pelo design de seu site, estabeleça canais de comunicação e acompanhe cada etapa do projeto visual, assim, os riscos de ter um site visualmente alheio a sua empresa é mínimo.   2. O website não aparece nos mecanismos de busca  Imagine, hipoteticamente, que seu novo site está pronto. O design é responsivo e está de acordo com a identidade de sua marca, os textos são claros e passam todas as informações necessárias para seus leitores, mas ninguém o acessa pois ele simplesmente não aparece em buscas relacionadas no Google.  Ora, é essencial que seu site corresponda às diretrizes básicas do SEO. Com palavras-chave ricas dentro de sua área de atuação, links internos e externos e conteúdo de qualidade, você dá um primeiro passo importante para conquistar autoridade no Google. Além disso, uma boa velocidade de carregamento de página e responsividade para acesso mobile podem aumentar a visibilidade de seu site no PageRank do Google.  3. O site foi finalizado, mas você não tem acesso para atualizações  Lembre-se: é o site de SUA marca. É compreensível que você prefira delegar atualizações a profissionais com expertise, mas você deve sim ter acesso à plataforma de conteúdo.  Hoje, as plataformas de CMS permitem atualizações em uma interface intuitiva e de fácil operacionalização. Logo, você não precisa de um desenvolvedor para cada nova informação que irá inserir em seu canal, por exemplo.   Seu site pode evoluir de forma simples e sem grandes burocracias a cada atualização. Basta usar o bom senso e saber quando pedir ajuda.  4. A empresa contratada simplesmente não entregou o website dentro do programado  Este é outro problema muito comum da falta de planejamento na realização de um novo website. Mais que de um contrato, um novo website surge de uma parceria.   Quem possui as informações, imagens e insights necessários para a criação do website é sua equipe e os responsáveis pela montagem precisam receber todo este material em dia para que o site seja criado dentro do programado.   Pareceu complicado? Confira nosso ebook com o mínimo que você precisa saber antes de realizar um projeto de website para sua empresa e dê os primeiros passos para um posicionamento forte e atualizado na web, clique no banner abaixo! 


Veja mais   
Office 365 disponibiliza apps para Outlook em dispositivos Android / 13.11.2017

Como parte de seu constante programa de atualização do Office 365, o pacote ganhou um novo programa de renovação para atender às diferentes demandas dos usuários. (Saiba mais acessando nossos posts anteriores “Office 365 passa a contar com suporte 3d”, “PowerPoint agora conta com legendas em tempo real”, “Atualizações no Office 365 permitem maior organização no Excel” e “Atualização do Office 365 permite pesquisas em tempo real no PowePoint”). Uma das atrações recentes do Office 365 divulgada pela Microsoft é a disponibilização de apps diretamente via Outlook. A partir de outubro, este utilitário ganhou um upgrade de peso. Usuários agora podem utilizar apps via Outlook em dispositivos Android. Um dos sistemas mais populares atualmente, o Android agora é compatível para a utilização de apps úteis como: Nimble Evernote Microsoft Dynamics 365 Microsoft Translator SmartSheet Trello MeisterTask – organize suas tarefas via Outlook Outra novidade para o Outlook é o MeisterTask, que permite ao usuário adaptar seus e-mails para a categoria de tarefas e criar projetos dentro da plataforma. Um dos destaques do MeisterTask é sua versão mobile, também disponível para Android, que permite uma organização simplificada das tarefas em uma interface simples e intuitiva. Com o MeisterTask, a Microsoft consolida o objetivo do Office 365 de facilitar a organização, gestão e operação de processos para seus usuários.  Gfycat – clima divertido com gifs Gifs são uma ótima forma para criar um clima divertido entre colaboradores em momentos apropriados. A partir de agora, ficou mais fácil inserir gifs e-mails enviados via Outlook, basta usar o aplicativo Gfycat, plataforma que oferece imagens animadas dos mais diversos temas. Com o Gfycat, seus e-mails irão gerar mais engajamento, ganharão expressividade e serão mais divertidos. Para saber MUITO mais sobre as novidades do Office 365, fique ligado no nosso blog e assine nossa Newsletter clicando ao lado!


Veja mais   
Office 365 passa a contar com suporte 3d / 19.10.2017

Como já falamos no post anterior, em outubro o Office 365 ganhou um novo pacote de atualizações para atender às diferentes demandas dos usuários. Entre as atrações apresentadas nesta leva de novidades, está o suporte para objetos tridimensionais. A partir de agora, o usuário pode inserir imagens 3d em arquivos Word, Excel e PowerPoint, basta ir na aba “Inserir” e selecionar a opção 3d. A opção permite a seleção de um arquivo do PC ou de modelos disponíveis online no acervo do Office 365. Assim que o modelo 3d estiver inserido no Office, o usuário pode manipulá-lo de acordo com a sua vontade, analisando seus diferentes ângulos e nuances em qualquer direção. Ao inserir dois ângulos diferentes em slides sequências do PowerPoint, o usuário pode criar animações suaves que replicam o movimento proposto. Recurso que deve ser muito útil para apresentações. O suporte a imagens 3d é algo prometido pelo Office 365 desde dezembro de 2016. Agora, o usuário pode finalmente incrementar suas apresentações. Para saber mais sobre o suporte 3d do Office, acesse a página oficial da aplicação! Quer saber mais sobre as atualizações do Office 365 e como elas podem ajudar sua empresa? Entre em contato conosco! Garantimos informações de qualidade com a facilidade do acesso via e-mail.


Veja mais   
SLA – Como definir um acordo de nível de serviço sem prejuízos em 5 passos / 22.09.2017

Se existe um ponto de convergência entre diretores de marketing e de TI em empresas com alto grau de demandas, ele está situado no SLA (Service Level Agreement). Ora, todo diretor de TI busca modernizar e aumentar a performance do time, acelerar o tempo de resposta a imprevistos, reduzir o tempo perdido em falhas no sistema e, simultaneamente, cortar custos em suas operações de suporte. Acredite, quando estes objetivos são atingidos, ninguém fica mais feliz que a equipe de marketing. A aplicação de um Acordo a Nível de Serviço (como SLA é conhecido no Brasil) desempenha um papel crucial nas tarefas diárias de suporte em TI e em ações de marketing, proporcionando que os times aloquem recursos de maneira otimizada para gerenciar os serviços oferecidos. A ausência de um plano contundente de SLA pode levar a: Departamentos desinformados quanto às suas funções. Gasto de tempo exagerado em comunicação e resolução de problemas. Falta de eficiência no serviço. Aumento de falhas no sistema. Usuários e clientes insatisfeitos. Mas, como definir um plano de SLA que vai cumprir com todas estas demandas em sua empresa? Vejamos a seguir em cinco passos! 1º passo: Defina o escopo de seu Acordo de Nível de Serviço Eu sei, isso é como dizer “comece pelo começo”, mas é extremamente necessário. Mas com esta iniciativa você irá definir a maneira como os serviços são entregues dentro do tempo acordado. Além disso, também criará um esboço do fluxo de trabalho e definirá as responsabilidades dentro das equipes de marketing, TI e vendas. 2º passo: Projete parâmetros de tempo para resposta e resolução de problemas Crie tickets de prioridade para definir os tempos de resposta e resolução de problemas. Os tickets podem definir a prioridade de cada caso, por exemplo, em “urgente”, “média” e “baixa”, de acordo com o impacto ou prejuízo nos negócios como um todo. 3º passo: Crie pontos de responsabilidade e delegação entre colaboradores Quando um colaborador realiza um contato inicial com um usuário que relata um problema, ele assume responsabilidade sobre o ticket até que a situação se resolva. Caso o ticket siga sem resolução após um prazo estipulado, o serviço deve ser delegado. Entretanto, até mesmo a delegação deve ser pré-definida como forma de atribuir a responsabilidade para a pessoa certa e evitar desperdício de tempo e recursos. 4º passo: Monitore performance. Mapeie confiabilidade Use as ferramentas apropriadas para monitorar a performance e checar se seu Acordo de Nível de Serviço corre dentro dos conformes através de indicadores de performance (saiba mais sobre isso). Além disso, realize testes fora da rotina para identificar “pontos-cegos” em seu plano. Estes serão preenchidos através de treinamento de equipe ou mudanças no SLA. O que nos leva ao próximo tópico... 5ºpasso: Estabeleça planos de mudança em SLA Não adote um plano rígido, isso só criará uma situação de risco de sua marca tornar-se anacrônica. Ao invés disso, adote um plano arejado, capaz de evoluir de acordo com as demandas de negócios e necessidades dos consumidores. Para isso, é essencial ter planos de acordo entre time e consumidores para processar a autorização e aplicação de mudanças no plano SLA em conformidade com a necessidade e autorização de todas partes envolvidas. Pronto! Com estes passos, você irá criar uma visão unificada dentro de sua empresa, possibilitando que suas equipes de marketing, vendas e TI trabalhem em coesão e garantindo a melhor entrega de serviços para os usuários finais! (Material parcialmente baseado em artigo originalmente publicado pelo Manage Engine Blog) Temos certeza que estes passos serão muito úteis na aplicação de seus projetos. Mas conhecimento nunca é demais. Conheça o Business Canvas, uma metodologia usada para criação, concepção e pré-planejamento normalmente colaborativo de um projeto. Basta clicar no banner abaixo!


Veja mais   
Colaboração no Office 365 – Yammer ou Microsoft Teams? / 10.07.2017

O volume e a complexidade das tarefas executadas diariamente em uma empresa tornam imperativo que se encontrem formas de facilitar a interação entre as diversas mãos envolvidas nos processos. Neste contexto amplamente funcional, entram em jogo ferramentas que otimizam a comunicação e a mão de obra coletiva em torno das atividades em equipe. Curiosamente, duas das plataformas mais populares foram desenvolvidas pela Microsoft: o Microsoft Yammer e o Microsoft Teams, utilitários do Office 365 que cumprem funções aparentemente semelhantes, mas com operacionalizações distintas. Mas, afinal, como escolher a melhor opção para sua empresa? A seguir traçaremos um dossiê completo sobre ambas as plataformas, confira! Microsoft Teams – soluções integradas ambientadas na nuvem Lançado no final de 2016, o Microsoft Teams foi sedimentado a partir da nuvem global do Office 365 e oferece serviço integrado aos aplicativos do Office. Microsoft Teams – características e capacidades Criação de grupos de trabalho. Dentro dos grupos criados pode-se ter conversas personalizáveis ​​para cada equipe. Os usuários podem agendar, visualizar e atualizar suas Reuniões e podem visualizar o Calendário das Equipes . Área de trabalho: mensagens com anexos e reuniões em um espaço virtual em tempo real. A visão de atividade em Equipes torna simples ver todas as conversas individuais e de equipe que você possui. Vantagens do Microsoft Teams Compartilhar pastas: faz integração de computadores com bibliotecas SharePoint Tempo real: troca de mensagem instantânea com os membros de uma equipe, sendo salva para leitura posterior. Aplicação multi-plataforma: disponível para Windows, MacOS, iOS e Android. Canais: os canais são uma ótima maneira de ter conversas sub-tópicos com um grupo menor de usuários sem criar uma nova equipe. Tabs: com a extensibilidade da aba, os usuários podem adicionar uma guia para outros serviços de acordo com as necessidades. Se você estiver usando serviços de terceiros como o Trello para tarefas, é fácil adicionar isso em vez do Planejador. Pontos negativos: Limite de 600 membros Usuário externo não interage Administração básica Não há permalinks Compartilhamento de arquivos básicos Yammer – uma rede social personalizada para sua empresa Outro utilitário integrado ao Office 365, o Yammer basicamente transportou as funcionalidades das redes sociais para o ambiente corporativo, utilizando tudo aquilo que poderia servir aos interesses dos colaboradores de diferentes setores de uma empresa em operações compartilhadas. Yammer – características e funcionalidades Rede Social: publicação de conteúdo de forma interativa Push Notifications: Receba alertas em tempo real para novas mensagens Através da plataforma, o empregado pode se comunicar com sua equipe e colegas da organização, por meio de grupos (privados e públicos), é possível criar um espaço on-line dedicado ao contato com redes externas, como parceiros, clientes e fornecedores. O Yammer cumpre a função de um quadro de avisos digital para toda a organização Vantagens do Yammer: Rede social: layout similar ao Facebook para organizações internas, os usuários estão familiarizados com a forma de usá-lo para se envolver com os outros em sua vida pessoal. Toda a empresa: Os posts podem ser de qualquer pessoa e todos podem ver essas postagens e interagir a elas. Você pode criar grupos públicos ou privados para usuários específicos. Marcação: o recurso de marcação de tópicos em conversas ajuda os usuários a encontrar conversas por palavras-chave. Pesquisas: pode criar pesquisas para obter feedback de forma estruturada. Pontos negativos: Feed da Rede Social e Email com entrada única Controles: não há filtros de controle nas postagens Dificuldade dos usuários em encontrar informações. Estas são os prós e contras do Microsoft Teams e do Yammer. E então, conseguiu decidir qual é o melhor para sua empresa? Deixe seus insights no nosso espaço de comentários!


Veja mais   
Todas as atualizações do Microsoft Office 365 em 2017! / 05.07.2017

Em um artigo publicado recentemente na revista COMPUTERWORLD – publicação de renome especializada na área de informática e TI –, o colaborador da revista Preston Galla listou as atualizações do Microsoft Office 365, como funcionalidades, conserto de bugs e renovações de segurança. O artigo original completo pode ser conferido aqui, porém, para facilitar sua vida, adaptamos as principais informações do conteúdo para a língua portuguesa. Assinantes do Office 365 sempre possuem a última versão do Microsoft Office – atualmente, o Office 2016. Eles também são contemplados com mais atualizações de software do que quem comprou o pacote sem assinatura. Ou seja, os assinantes têm acesso às últimas funcionalidades, aprimoramentos de segurança e correções de bugs. Mas acompanhar todas as mudanças proporcionadas por essas atualizações, assim como saber quando elas estão disponíveis, pode ser desafiador. E é por isso que o faremos para você ao longo deste artigo! A seguir estão listadas todas as atualizações do Microsoft Office 365 para Windows em 2017. Versão 1706 (Build 8229.2073) – 28/06/2017 Este pacote de utilitários permite ao usuário utilizar um set personalizado de canetas, marcadores e pincéis no Word, no Excel e no PowerPoint. Ao ativa-las em uma das aplicações, elas passam a ser disponibilizadas nas outras duas. Além disso, quando você insere figuras da Internet em arquivo Word, Excel e PowerPoint, as informações atribuídas as imagens são agregadas automaticamente ao seu documento. Agora, quando você cria um gráfico no PowerPoint, o Designer irá recomendar os materiais visuais mais adequados ao tipo de slide e conteúdo. Já o Excel ganhou pequenos incrementos na barra de funcionalidades na Faixa de Opções: você pode inserir sobrescritos e subscritos selecionando a opção Effects em Fonts. Além disso, você também pode adicionar subscritos e sobrescritos na caixa de ferramentas do Quick Access. O Outlook, por sua vez, ganhou uma versão atualizada do Wizard para configuração de novas contas de e-mail. Versão 1705 (Build 8201.2102) – 13/06/2017 Esta atualização de segurança fechou algumas brechas de segurança do Outlook, Skype for Business, Word e no pacote Office em geral, incluindo vulnerabilidades da execução de códigos remotos nas três aplicações. A atualização também consertou um pequeno bug no Excel, que não ativava o Sheet Protection Password em arquivos criados no Excel 2010 ou em versões anteriores. O que sua equipe de TI deve saber: por ser uma atualização de segurança, ela deveria ser aplicada imediatamente. Versão 1705 (Build 8201.2075) – 07/06/2017 Nesta atualização de utilitários, o Excel teve botões da aba de Dados da Faixa de Opções rearranjados e ganhou a funcionalidade de exportar qualquer informação para o formato Office Database Connection (“.odc”), para compartilhar com outros colaboradores ou conectar com outras planilhas. O PowerPoint agora permite a inserção de legendas em vídeos e o Designer, por sua vez, proporciona sugestões para formulação de gráficos. Versão 1704 (Build 8067.2157) – 01/06/2017 A atualização corrigiu dois pequenos bugs no OneNote e no Outlook. No Outlook, o painel de navegação costumava parar de ser exibido quando restava pouca memória no PC, já no OneNote, conteúdo e atualizações ficavam ocultos quando muitos parágrafos eram visualizados. Versão 1704 (Build 8067.2115) –18/05/2017 Com este pacote de utilitários, usuários do Excel podem personalizar o layout da Tabela Dinâmica e importar data de fontes diversas. O Outlook ganhou uma nova função que divide a interface Inbox em duas tabelas, “focalizada” e “outros”. As mensagens consideradas mais importantes de acordo com critérios de conteúdo e usuário vão para a primeira, o resto, para a segunda. Além disso, Outlook, Excel, PowerPoint e Word ganharam uma funcionalidade que lista links recentemente acessados para a inserção no conteúdo. O que sua equipe de TI precisa saber: com essa atualização, administradores podem implementar e remodelar suplementos (Add-ins) para Excel, PowerPoint e Word para usuários ou grupos a partir do Centro de Administração do Microsoft Office 365. Versão 1703 (Build 7967.2161) – 09/05/2017 Atualização de segurança que corrige brechas em geral, como vulnerabilidades na execução de código remoto via Office, Word e Skype for Business. O que seu time de TI deve saber: por tratar de segurança, essa atualização do Microsoft Office 365 deve ser implementada imediatamente. Versão 1703 (Build 7967.2139) – 21/04/2017 Neste pacote de atualizações, o PowerPoint ganhou um utilitário QuickStarter que cria um esboço para o tópico de sua apresentação e oferece sugestões de design e pontos de discussão. Você pode utilizar novos templates para Visualização de Dados no Visio e automaticamente criar um Fluxograma Básico ou um Fluxograma Interfuncional com dados do Excel. Um novo botão de Atividades, disponibilizado no canto superior direito de Excel, PowerPoint e Word, permite que usuário veja quando um arquivo do OneDrive for Business ou do SharePoint for compartilhado, editado, renomeado ou restaurado. Excel, PowerPoint, Outlook e Word ganharam a fonte Dubai. Versão 1702 (Build 7870.2038) – 11/04/2017 Pacote de segurança que conserta duas brechas no Outlook. Uma que permitia a invasores o controle do PC e a instalação de programas; acesso, modificação e exclusão em dados; criação de novas contas. Também repara uma vulnerabilidade de execução de código remoto que permitia o mesmo tipo de ataque via Office e no WordPad. O que seu time de TI deve saber: por tratar de segurança, essa atualização do Microsoft Office 365 deve ser implementada imediatamente. Version 1702 (Build 7870.2031) – 27/03/2017 Atualização que conserta bugs no Excel e no Outlook. O Excel deixa de trancar quando o usuário aplica permissões a nível de célula, já o Outlook, os usuários podem realizar buscas por arquivos .PST. Versão 1702 (Build 7870.2024) – 14/03/2017 Atualização de segurança que elimina brechas no Excel, no Skype for Business e no Word. O que seu time de TI deve saber: por tratar de segurança, essa atualização do Microsoft Office 365 deve ser implementada imediatamente. Versão 1702 (Build 7870.2020) – 09/03/2017 Atualização com novos utilitários. O PowerPoint ganhou uma régua digital que facilita ao usuário traçar linhas retas ou alinhar uma série de objetos. Word, Excel, PowerPoint e Outlook ganharam novas ferramentas que permitem a remoção de background de imagens para destacar detalhes. No Word, você pode usar um novo comando Lado a Lado que permite a visibilidade de duas páginas por vez. Ambas funcionalidades são compatíveis via touch screen, barra de rolagem ou mouse. Versão 1701 (Build 7766.2060) – 23/02/2017 Esta atualização proporciona novos utilitários e também corrige bugs. O usuário ganhou uma caneta digital no Word para selecionar e modificar objetos. No Outlook, foi criada a função de colaborar em tempo real em arquivos anexados ao OneDrive for Business. Uma variedade de bugs do Microsoft Office 365 foi consertada, inclusive a funcionalidade de recorte de imagens do PowerPoint. Versão 1612 (Build 7668.2074) – 31/01/2017 Contorna pequenos erros no OneDrive for Business e no Skype for Business, entre eles, as “quedas” no Skype quando múltiplas janelas de chat eram abertas simultaneamente. Versão 1612 (Build 7668.2066) –25/01/2017 Atualização de utilitários que permite a visualização de quem modificou ou compartilhou arquivos no Word, no PowerPoint e no Excel e proporciona a recuperação de versões anteriores. A atualização também oferece uma caneta digital para selecionar e modificar objetos no Excel. Além disso, há uma variedade de correções de bugs, inclusive um defeito na pintura digital do Microsoft Office 365 que causava pequenas mudanças na cor quando o mouse era solto pelo usuário. Versão 1611 (Build 7571.2109) – 04/01/2017 Atualização que conserta uma variedade de pequenos problemas, como quando o template padrão não aparecia na opção “Novo Arquivo” do PowerPoint. Em outra, o Excel costumava trancar quando o usuário tentava fechá-lo. Estas são todas as atualizações pelas quais o Microsoft Office 365 passou em 2017. Para mais informações sobre cada uma delas, confira aqui. Para ler sobre as atualizações realizadas em 2016 e no final de 2015, veja o artigo original publicado pela COMPUTERWORLD (em inglês).


Veja mais